dom. jun 16th, 2019

Atentado da Catedral investigação segue avançada

A Policia segue avançada a investigação do atentado a catedral Metropolitana de Campinas no dia 11 Dezembro 2018 que terminou na morte de 6 pessoas. A Policia acredita que EULER GANDOLPHO tenha tomado posse das armas no ano de 2016, em depoimento o delegado responsável pela investigação EULER fazia treinamento de atirar em casa, as vezes até mesmo usava jogos para aprender.  Em um bilhete EULER deixou escrito que a chacina estava programada deste de 2008, a policia teve acesso as fotos e gravações de EULER que levam a crer que a arma tenha cido comprada no Paraguai, ele viajou para lá Três vezes e arma não tinha numeração. Euler também parabeniza Wellington pelo massacre em Realengo no RJ em 2011 que deixou 13 mortos.

Da Redação
TV HORTOLÂNDIA
CANAL OITO CAMPINAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: